Atlético-MG perde clássico e Cuca precisa fazer reflexões pontuais sobre seu trabalho, confira como foi a partida

Cruzeiro x Atlético-MG tinham em mente que era o primeiro grande desafio das duas equipes neste começo de temporada 2021. Um clássico que embora não tinha público, havia uma expectativa gigantesca para saber como o time mandante iria reagir, pois, na qualidade do elenco ambos não se comparam.

O começo de jogo foi muito complicado para a equipe dos visitantes, visto que, pouco conseguiram ameaçar no início da partida, pois, o time do Cruzeiro preenchia bem os espaços e deixava o próprio time alvinegro um pouco criativo.

Sabendo desta hipótese, as melhores chances construídas foram com o próprio Cruzeiro, embora as oportunidades ficavam por conta de Rafael Sóbis, de falta. Nomes como Nacho Fernandes e Vargas pouco tocaram a bola no primeiro tempo.

A partir disso, com pouca criação o Atlético-MG ficou preso na boa marcação que a equipe do Cruzeiro estava realizando durante todo primeiro tempo. No entanto, o azul celeste não conseguiu balançar as redes do goleiro Éderson.

Galo perde clássico para o Cruzeiro, mas continua líder da competição. Créditos: Reprodução Twitter
Galo perde clássico para o Cruzeiro, mas continua líder da competição. Créditos: Reprodução Twitter

Leia também: Ceará x Salgueiro – Copa do Nordeste | onde assistir, escalação e arbitragem

Atlético-MG diante a  forte marcação do Cruzeiro

O processo natural era fazer com que o time mais qualificado fizesse o dever de casa e conseguisse pelo menos ameaçar a meta do Fábio. Nos primeiro minutos de fato, o time comandado por Cuca fez com que Fábio fizesse ao menos duas grandes defesas importantes.

A partir disso, seguro defensivamente, conseguia segurar um pouco das ações que o Atlético-MG tentava ser o protagonista da rodada, porém, nada parecia dar certo para o time alvinegro. Seu rival, bem constituído na  defesa tentava explorar os contra-ataques.

Em uma das escapadas da equipe do Cruzeiro, Rafael Sóbis conseguiu se desvencilhar da marcação do Atlético-MG e deu um primoroso passe para Aírton chutar e marcar o primeiro gol da partida. Depois do gol; a equipe alvinegra começou a tentar explorar com Hulk pelas beiradas, porém, mesmo com as chegadas não foram possível marcar o gol de empate. No final da partida, Hulk e Pottker foram expulsos corretamente diante a confusão.

Com a vitória do Cruzeiro, mostra-se que Felipe Conceição está evoluindo, mesmo que seja lentamente e gradual, visto que, vencer o seu maior rival tem um peso muito importante. Pelos lados do Atlético-MG; é preciso aprender a desvencilhar de defesas bem montadas para o decorrer da temporada, pois, encontrará algo semelhante na maioria dos times que vai enfrentar.

Leia também: Real Madrid vence rival e sonha com título de La Liga, confira como foi “el clássico”

 

Carregando...