Real Madrid vence rival e sonha com título de La Liga, confira como foi “el clássico”

Real Madrid x Barcelona eram o confronto mais aguardado do final de semana do Campeonato Espanhol e sem dúvidas marcaria qual time conseguiria aproximar ou até mesmo ultrapassar a equipe colchonera, atual líder da competição.

O começo de partida, a equipe do Real Madrid foi montada de forma muito interessante, bem agrupada e organizada, os comandados de Zinedine Zidane trouxeram bons avanços e que começaram a apertar o seu maior rival desde o primeiro minuto do embate.

Pouco a pouco, de forma bem confusa, a equipe do Barcelona faz com que ficasse acuado e praticamente não teve chances claras para que Keylor Navas; goleiro do Real Madrid fizesse grande defesa. Por outro lado, a equipe do Real Madrid sufocava de todas as formas.

Em uma dessas chances, Varani chega com tranquilidade e faz um lindo cruzamento para Benzema, atacante do madrilenho, marcar o primeiro gol do confronto, detalhe: com direito a letra.Vale ressaltar que este gol foi o décimo no confronto entre as equipes.

Como se estivesse ainda em desvantagem, o Real Madrid não tomou conhecimento e continuou a atacar; mesmo sem a posse de bola como normalmente o time vencedor fica quase sempre. Toni Kross, em uma de suas chances claras, chuta uma falta perigosa e desvia em dois jogadores do Barcelona e morre no fundo das redes. No primeiro tempo, não ocorreu quase nada no fim da etapa inicial.

Real Madrid faz jogo seguro e continua na briga pelo título de La Liga.
Real Madrid faz jogo seguro e continua na briga pelo título de La Liga.

Leia também: Ceará x Salgueiro – Copa do Nordeste | onde assistir, escalação e arbitragem

Real Madrid x Barcelona: Segundo tempo morno e aguerrido

Se no primeiro tempo tínhamos muitas chances pelos lados do Real Madrid e um Barcelona muito apático, sem praticamente chances claras para serem colocadas dentro da expectativa do seu torcedor; no segundo tempo foi muito mais estudado. Por isso, precisava de maior emoção. No entanto, não era tão simples assim.

Logo nos primeiros minutos da etapa complementar, a equipe do Barcelona começou a se assanhar, obrigando pelo menos Keylor Navas, goleiro do Real Madrid, começar a trabalhar um pouco, mas sem grandes emoções. A partir disso, os cartões começaram a aparecer com maior naturalidade.

Leia também: Bahia x ABC | Copa do Nordeste: onde assistir, escalação e arbitragem

O ímpeto predominante na primeira etapa, portanto, não foi correspondido da mesma forma, deixando o Barcelona a arriscar um pouco mais. Mingueza aproveitando bem de um vacilo madrilhenho acabou marcando para os catalães.

Messi completamente apagado, tentou se reabilitar na etapa final, porém, muito pouco para quem quer o título de La Liga. Ainda sobrou uma expulsão para o Casemiro que já tinha levado um amarelo minutos antes de outra falta. No entanto, depois do ocorrido não deu tempo de acontecer mais nada.

 

Carregando...